Despertando a Consciência para os Problemas Brasileiros


problemas brasileiros

Olá, amigos leitores do blog. Hoje, abrindo o ano de 2013, trago até vocês um texto do jornalista Arnaldo Jabor. Algo muito inteligente, em linguagem simples e verdadeira, cujo único objetivo e despertar nossa consciência para os problemas do cotidiano brasileiro. Uma espécie de 

“acorda Brasil deitado em berço esplêndido”.

Eu disse “despertar” porque o texto é apenas um lembrete daquilo que já sabemos, mas, às vezes, não conseguimos verbalizar. Estou ciente que estou fazendo a minha parte com a divulgação desse artigo. Convido você a fazer o mesmo.

Se concordar com apenas uma frase do que ele diz, encaminhe esse artigo para seus contatos de e-mail e nas redes sociais.

Texto de Arnaldo Jabor:

Brasileiro é um povo solidário. Mentira. Brasileiro é babaca.
Eleger para o cargo mais importante do Estado um sujeito que não tem escolaridade e preparo nem para ser gari, só porque tem uma história de vida sofrida;
Pagar 40% de sua renda em tributos e ainda dar esmola para pobre na rua ao invés de cobrar do governo uma solução para pobreza;
Aceitar que ONGs de direitos humanos fiquem dando “pitaco” na forma como tratamos nossa criminalidade...
Não protestar cada vez que o governo compra colchões para presidiários que queimaram os deles de propósito, não é coisa de gente solidária.
É coisa de gente otária.

Brasileiro é um povo alegre. Mentira. Brasileiro é bobalhão.
Fazer piadinha com as imundices que acompanhamos todo dia é o mesmo que tomar bofetada na cara e dar risada.
Depois de um massacre que durou quatro dias em São Paulo, ouvir o José Simão fazer piadinha a respeito e achar graça, é o mesmo que contar piada no enterro do pai. 
Brasileiro tem um sério problema. Quando surge um escândalo, ao invés de protestar e tomar providências como cidadão, ri feito bobo.

Brasileiro é um povo trabalhador. Mentira.
Brasileiro é vagabundo por excelência. O brasileiro tenta se enganar, fingindo que os políticos que ocupam cargos públicos no país, surgiram de Marte e pousaram em seus cargos, quando na verdade, são oriundos do povo.

O brasileiro, ao mesmo tempo em que fica indignado ao ver um deputado receber 20 mil por mês, para trabalhar 3 dias e coçar o saco o resto da semana, também sente inveja e sabe lá no fundo que se estivesse no lugar dele faria o mesmo.
Um povo que se conforma em receber uma esmola do governo de 90 reais mensais para não fazer nada e não aproveita isso para alavancar sua vida (realidade da brutal maioria dos beneficiários da bolsa família) não pode ser adjetivado de outra coisa que não de vagabundo.

Brasileiro é um povo honesto. Mentira.
Já foi; hoje é uma qualidade em baixa. Se você oferecer 50 Euros a um policial europeu para ele não te autuar, provavelmente irá preso. Não por medo de ser pego, mas porque ele sabe ser errado aceitar propinas.
O brasileiro, ao mesmo tempo em que fica indignado com o mensalão, pensa intimamente o que faria se arrumasse uma boquinha dessas, quando na realidade isso sequer deveria passar por sua cabeça.

90% de quem vive na favela é gente honesta e trabalhadora. Mentira.
Já foi. Historicamente, as favelas se iniciaram nos morros cariocas quando os negros e mulatos retornando da Guerra do Paraguai ali se instalaram.
Naquela época quem morava lá era gente honesta, que não tinha alternativa e não concordava com o crime.
Hoje a realidade é diferente. Muito pai de família sonha que o filho seja aceito como 'aviãozinho' do tráfico para ganhar uma grana legal.
Se a maioria da favela fosse honesta, já teriam existido condições de se tocar os bandidos de lá para fora, porque podem matar 2 ou 3 mas não milhares de pessoas.
Além disso, cooperariam com a polícia na identificação de criminosos, inibindo-os de montar suas bases de operação nas favelas.

O Brasil é um país democrático. Mentira.
Num país democrático a vontade da maioria é Lei. A maioria do povo acha que bandido bom é bandido morto, mas sucumbe a uma minoria barulhenta que se apressa em dizer que um bandido que foi morto numa troca de tiros, foi executado friamente.
Num país onde todos têm direitos, mas ninguém tem obrigações, não existe democracia e sim, anarquia.
Num país em que a maioria sucumbe bovinamente ante uma minoria barulhenta, não existe democracia, mas um simulacro hipócrita.
Se tirarmos o pano do politicamente correto, veremos que vivemos numa sociedade feudal: um rei que detém o poder central (presidente e suas MPs), seguido de duques, condes, arquiduques e senhores feudais (ministros, senadores, deputados, prefeitos, vereadores).
Todos sustentados pelo povo que paga tributos que têm como único fim, o pagamento dos privilégios do poder. E ainda somos obrigados a votar. Democracia isso?  Pense!

O famoso jeitinho brasileiro.
Em minha opinião, um dos maiores responsáveis pelo caos que se tornou a política brasileira.
Brasileiro se acha malandro, muito esperto. Faz um 'gato' puxando a TV a cabo do vizinho e acha que está botando pra quebrar.
No outro dia o caixa da padaria erra no troco e devolve 6 reais a mais, caramba, silenciosamente ele sai de lá com a felicidade de ter ganhado na loto... malandrões, esquecem que pagam a maior taxa de juros do planeta e o retorno é zero. Zero saúde, zero emprego, zero educação, mas e daí? Afinal, somos pentacampeão do mundo, né? Grande coisa.

O Brasil é o país do futuro.
Caramba, meu avô dizia isso em 1950. Muitas vezes cheguei a imaginar em como seria a indignação e revolta dos meus avôs se ainda estivessem vivos. Dessa vergonha eles se safaram.
Brasil, o país do futuro!? Hoje o futuro chegou e tivemos uma das piores taxas de crescimento do mundo.

Deus é brasileiro.
Puxa, essa eu não vou nem comentar.

O que me deixa mais triste e inconformado é ver todos os dias nos jornais a manchete da vitória do governo mais sujo já visto em toda a história brasileira. 

Para finalizar tiro minha conclusão:

O brasileiro merece! Como diz o ditado popular, é igual mulher de malandro, gosta de apanhar.

Se você não é como o exemplo de brasileiro citado nesse artigo, meu sentimento amigo. Continue fazendo sua parte, e que um dia pessoas de bem assumam o controle do país novamente. Aí sim, teremos todas as chances de ser a maior potência do planeta.
Afinal aqui não tem terremoto, tsunami nem furacão. Temos petróleo, álcool, biodiesel, e sem dúvida nenhuma o mais importante: Água doce!

Só falta boa vontade, será que é tão difícil assim?  Faça a sua parte, caso desejar, repasse!

O que você pensa sobre o tema? Deixe um comentário logo abaixo ou sugira um artigo, precisamos de ambos para continuar melhorando o blog.

Esperamos sua visita em breve. Obrigado pela Companhia e, compartilhe com os seus Amigos!

Junte-se aos Nossos Leitores e Receba nossas atualizações!

Respeitamos sua privacidade. Você está 100% seguro!

44 comentários:

  1. Bom concordo em partes com o texto, acredito que ainda tenha pessoas honestas no Brasil porem ta ficando mais raras. Ja na questão sobre os moradores da favela eu discordo pois acho que tem cidadães de bem que mora la por falta de condições para morar em um lugar bem desenvolvido. E a culpa de ter políticos corruptos e culpa do próprio povo que não se informa antes de dar seu voto, e quando o povo e vende o votos para o governo.

    Francielly Moreira

    ResponderExcluir
  2. Eu gosto do Arnaldo Jabor, mas afirmar que todo morador de favela e desonesto foi demais. Sera que a família do Arnaldo já passou necessidades e precisou morar numa favela? Acredito que só conhece a favela de longe, vista da janela do seu apartamento em Copacabana. Sem sombra de duvidas a maioria da comunidade tira o seu sustento de forma lícita. O texto tem o objetivo de dar uma sacudida nos leitores para no minimo se envergonharem da situação do Pais. Vou compartilhar!

    Aldenir Pereira

    ResponderExcluir
  3. Concordo com Jabor no primeiro texto, o brasileiro tem que visualizar mais a situação do Brasil, não da para aceitar tudo o que o nosso governo faz, porém não concordo quando fala generalizando todos nós de vagabundo, pois muitos de nós trabalhamos muito. A verdade, é que o jeitinho brasileiro é vergonhoso, temos que se atualizar e buscar mais conhecimentos.
    Nem todos que moram na favela do Rio sonha com seu filho sendo um aviãozinho, embora a situação seja desfavorável, muitos ali sonham alto, pois, sabe que o futuro é o estudo.
    Um excelente escritor e jornalista Arnaldo Jabor.
    Renato Dourado Godoy Carvalho

    ResponderExcluir
  4. Vivemos em um tempo onde é mais fácil fecharmos os olhos,se revoltar e criticar quem fala a verdade e toca o dedo na ferida. Ora, para que uma ferida cicatrize, devemos lavar,limpar, tirar toda secreção e aplicar a medicação. Pois bem, com o Brasil também é assim, devemos parar de dar soluções paleativas, temos que começar a tomar rédeas da situação. Criticar ,indginar sim, más devemos agir.Temos trunfos, assim como no jogo de pôquer tem o "AS" como carta coringa, temos as nossas, o "ESTUDO ,INFORMAÇÃO e o VOTO", lutamos tanto para que pudessemos ter nossos direitos e agora muitos ignoram.Se os brasileiros tivessem consciência das armas poderosas que temos em mãos ,não estariamos na situação atual. Devemos deixar de alienações, devemos procurar informações com veracidade antes da época da politíca, devemos nos atentar aos problemas que nos cercam diariamente.
    Vamos parar de achar que política não se discuti, pois se não começarmos a discutir, descordar e entender o que realmente é a politica do nosso Brasil, não vamos saber mudar o caos dos dias atuais. Brasileiros, estudo é a melhor saída certo? Então vamos começar estudando nossos principios, nossa integridade moral,passar a conhecer nossos governantes, quem sabe assim nas próximas eleicões podemos ver a tão sonhada "luz no fim do túnel".
    Leila Patricia Gomes.

    ResponderExcluir
  5. Já passou da hora do povo honrar o seu país vestindo a camisa e tomar a decisão certa, e o único momento que temos pra isso é quando vamos votar, não podemos votar só por uma boa aparência, uma boa fala mansa. Devemos pesquisar a fundo a vida de nosso candidatos o que fizeram pra o bem ou não do nosso pais estado ou município infelizmente não temos muitas armas pra lutar contra isso porém ainda temos. ELVIS LENON SILVA TEIXEIRA

    ResponderExcluir
  6. MAXSUEL EUGENIO DA SILVA DE JESUS16/09/15 18:35

    Concordo com o autor, Brasileiro leva muito em conta o passado dos outros, Mais nem todos que tiveram uma vida sofrida futuramente poderão ser pessoas boas, Ja estão conformados com a situação que esta o pais, Pois se acomodaram nisso, Com a mesma ideia de que nunca vai mudar, Mais se realmente a população quisesse mudança iriam atras pois vontade todos tem agora atitude são pra poucos quantos disperderam seus votos e depois choram o leite derramada, Não podemos deixar pra depois uma coisa que já esta ruim agora, esta na hora do brasileiro mostrar que não e só mais um trouxa no mundo, mais sim um povo que luta pelos seus deveres e direitos, Ta na hora acorda brasil, Vamos tentar pelomenos proteger a parte da nossa pátria que não foi contaminada com tanta besteira, Salvar a nossa dignidade e nossa nação.
    Maxsuel Eugênio Da Silva De Jesus

    ResponderExcluir
  7. Não consigo vislumbrar uma utópica solução para tantos problemas do povo brasileiro, exceto por uma boa escolha nas urnas, donde advém uma saúde de qualidade, segurança e, consequentemente, boa educação. Aliás, educação é a palavra chave para o contexto de tantas desventuras que temos tido até então.
    Há que se pensar que, além querermos ter um país mais justo e partidário, temos que nos preocupar em deixar um legado para a nossa descendência.

    Iraide Aparecida Silva de Almeida

    ResponderExcluir
  8. Concordo em algumas partes do texto, acho que ele se precipitou em dizer que todo morador de favela e desonesto e que o sonho dos pais e ver seu filho se tornando ``aviãozinho´´ pois muita das vezes os pais fazem de tudo para que seu filho não entre na marginalidade pois sabe que isso é um caminho sem volta onde muitas das vezes o final é a morte, qual pai quer ver a morte do seu filho ? Acho que nenhum!. Mas sim ele diz muita coisa que é a grande realidade, igual quando cita que o povo acha errado ver os deputados ganhando muito dinheiro e trabalhando pouco mas não faz nada pra mudar isso, quando recebe troco a mais na padaria, supermercados e outro comércios e saem felizes ao invés de ir e dizer que estar errado só fazem isso quando vem faltando porque o funcionário pode passar o troco a mais e no final do mês ser descontado do seu salario mas não pode passar o troco a menos que muitas das vezes é tratado mal. Acho que pra vivermos em um país descente muitas atitudes deves ser mudadas, principalmente a do povo pois somos nós que elegemos quem irá nós representar e temos que fazer com o que o nosso voto vale apena pra não passar dois anos da eleição e ficar chorando dizendo que podíamos ter elegido outra pessoa pra ocupar aquele cargo, o VOTO é a arma mais poderosa que temos só basta sabermos usar corretamente.
    LAIS OLIVEIRA DE BRITO

    ResponderExcluir
  9. " Infelizmente uma parte do texto concordo" grande parte dos brasileiros não tem censo de justiça, e quando falo de censo de justiça é porque algumas não entendem sobre leis,constituições e seus direitos.O brasileiro é leigo de informações,e a maioria vendem os seus votos,e jogam no lixo como se não fosse sofrer as consequências.Não entendem o valor de um voto democrático.
    Temos que saber escolher nossos governantes,procurando informações sobre eles.
    Outra não podemos generalizar tudo como o jornalista Arnaldo Jabor.
    Temos pessoas honestas, trabalhadoras e dignas, que pensam no mundo melhor,e luta para isso.Temos que fazer a nossa parte,como cidadão ,e parar de julgar os erros dos outros. Procurando ser honesto, e saber escolher melhor os governantes, que saibam usar os recursos de uma maneira certa,aplicando em lugares necessários,e protestar naquilo que for preciso para garantir nossos direitos.
    Assim teremos um Brasil melhor!
    Cristiane dos Santos Sliva

    ResponderExcluir
  10. Despertar a consciência vai muito além de palavras e não se faz com ofensas e generalizações. No texto acima é nítido notar que em todo tempo o povo brasileiro é chamado de babaca, bobalhão, desonesto... Tudo baseado em preconceitos. Está clara a opinião do autor sobre a população brasileira, mas, conforme podemos observar nos argumentos descritos, ele responsabiliza as classes mais baixas por uma suposta falta de "consciência política", ao eleger um governo, no qual, o autor é contrário. Dizer que “brasileiro é vagabundo por excelência” é um tanto quanto provocante e, mais, de uma ignorância extrema. Muitos não são culpados por existirem pessoas que não correm atrás para fazerem diferente e os outros acabam visando só o lado ruim de tudo, por fim julgando e culpando toda a população. A internet torna-se acessível a todas as classes, dando a liberdade para todos se expressarem. Mas, por outro lado, é preciso um maior cuidado e atenção com as informações que circulam na rede, pois nem todas são confiáveis. Assim, ao pesquisar mais a fundo sobre Arnaldo Jabor, descobri que esse texto “Despertando a consciência para os problemas brasileiros” não é de autoria do mesmo. Segue abaixo o link do Jornal o Estadão, onde consta essa afirmação e, mais ainda, com declarações do próprio Jabor classificando o texto de sórdido: “Há um texto de extrema direita, boçal, xingando os brasileiros...”

    http://www.estadao.com.br/noticias/geral,blogs-twitter-orkut-e-outros-buracos,460156

    Carla Minelly da Silva Teixeira

    ResponderExcluir
  11. A verdade é que nós brasileiros somos muitos acomodados concordo nessa parte pois existem pessoas que não concluíram os seus estudos e estão no cargo alto onde poderia dar oportunidade para pessoas que passam sua vida estudando para ter algo melhor, os brasileiros são leigos não sabe defender os seus direitos deixa tudo como está é difícil viver assim.
    A line da Silva Rocha

    ResponderExcluir
  12. Não podemos radicalizar, no Brasil,sabemos que exite pessoas boas e ruins, então,precisamos fazer norte parte, mesmo que pareça impossível,tudo isso que vem acontecendo já vem de muito tempo,temos que lutar por nossos direito com caráter e honestidade,para de julgar pessoas e lugares afinal somos todos brasileiro,e precisamos acredita que no pais melhor !

    Liliane torres do nascimento.

    ResponderExcluir
  13. Generalizou totalmente,existem sim pessoas que tenta se promover em cima de outras,mas tem aquelas que sofrem consequências daquelas pessoas que não tem consciência,há desigualdade,falta de caráter de uns,governantes políticos se beneficiam de todas as formas esquecem que o povo brasileiro também precisa que as leis sejam feitas.O BRASIL vem sofrendo consequências de um País mal governado, essas pessoas esquecem de valores,ética e moral. Temos que acreditar sim que um dia tudo isso vai melhorar porque um povo sem esperança é um povo 'morto'.

    ResponderExcluir
  14. Concordo em partes com o Autor,pois os brasileiros estão de olhos fechados para situação do nosso país,achando graça,encontrando o velho jeitinho brasileiro e aceitando propinas para driblar essa situação que estamos vivendo., Devemos sair para as ruas e protestar por um país melhor e usar o nosso maior poder que é nosso voto para colocar no poder políticos que querem ver um Brasil melhor!
    Vagner Pinto de Souza

    ResponderExcluir
  15. Bianca Trifiglio22/09/15 18:43

    Ao generalizar o povo brasileiro eu descordo plenamente,sendo raro ,mas existem brasileiros honestos,trabalhadores e esforçados que levantam todos os dias pela manhã felizes ao ver sua família com saúde e com alimentos em sua sua mesa ,apesar de que a saúde não é a das melhores e nem os valor de nossos alimentos ,mais não somos bobalhões somos felizes e otimistas por natureza
    Se cada, um não só falar mas começar com atitudes na educação e incentivo de mudança para com nossos filhos já é algo de bom.O caráter e dignidade não se constrói ao longo da vida ,ele vem de berço de seus antepassados,como eles agiam diante de cada situação,tenho dúvidas se em urnas mudaria até porque elas podem ser fraudadas!!ou não?
    Chorar e ser triste não vai mudar nada vai é piorar a situação,então ser otimista e feliz sim e umas das boas do brasileiro.

    ResponderExcluir
  16. Bianca Trifiglio22/09/15 19:32

    Ao generalizar o povo brasileiro eu descordo plenamente,sendo raro ,mas existem brasileiros honestos,trabalhadores e esforçados que levantam todos os dias pela manhã felizes ao ver sua família com saúde e com alimentos em sua sua mesa ,apesar de que a saúde não é a das melhores e nem os valor de nossos alimentos ,mais não somos bobalhões somos felizes e otimistas por natureza
    Se cada, um não só falar mas começar com atitudes na educação e incentivo de mudança para com nossos filhos já é algo de bom.O caráter e dignidade não se constrói ao longo da vida ,ele vem de berço de seus antepassados,como eles agiam diante de cada situação,tenho dúvidas se em urnas mudaria até porque elas podem ser fraudadas!!ou não?
    Chorar e ser triste não vai mudar nada vai é piorar a situação,então ser otimista e feliz sim e umas das boas do brasileiro.

    ResponderExcluir
  17. Arnaldo Jabor,concordo plenamente com você.
    Um dos parágrafos mais claro no texto é "O famoso jeitinho brasileiro",mostrando o que nós brasileiros fazemos de errado,e com essa ação acabamos incentivando nossos filhos,irmãos e etc...a agirem da mesma forma.
    Esse parágrafo esclarece que para o Brasil mudar,primeiramente o SER HUMANO terá que mudar,ou a situação só tende a piorar( e vem piorando a cada dia).
    As pessoas em si,não só as que estão no poder(governador,presidente etc...),mas qualquer cidadão tem sua culpa no que o Brasil é.
    Não adianta xingar quem governa o pais,e sim cumprir com seu papel de cidadão honesto (seus deveres) e saber os seus direitos.
    Quer que o Brasil mude?
    Comece mudando você.

    Eduarda Barbosa de Sales

    ResponderExcluir
  18. Há,ainda,nos dias de hoje pessoas que acreditam na melhoria do país,pode-se dizer que todos querem enxergar uma melhoria,mas náo estão aptos a se manisfestar sobre isso.
    Que há insatisfação isso é evidente,quando você entra em um estabelecimento,você vê aquele cartaz grande dizendo: ''desrespeito ao funcionário,tantos anos de cadeia,mas ná há nada ao lado dizendo que desrespeito ao cidadão também pode dar cadeia''.
    A percepção do brasileiro é oca,acredita-se que a juventude hoje vem com o intuito de trazer esperança e mudanças.A internet é um grande recurso para as manifestações, o que vemos nas ruas é a democracia brasileira em sério risco,depois de um tempo você está cansado da realidade.
    Contudo ressalto aqui a importância de estar assistindo aos jornais a ficar ligados nos acontecimentos para que possamos pedir por melhorias,para que não fechemos os olhos para os arrombos na política,na educação e na saúde.
    Arnaldo Jabor,mencionou o fato do brasileiro estar deixando passar.O que pude perceber foi simplesmente a realidade e acredito que o que ele publicou simplesmente condiz com o que penso,mas nem todo brasileiro é burro e ignorante,alguns simplesmente deixam para lá ou simplesmente sabem e fingem que não ligam.Deixo contudo meu sincero respeito,e acredito que se cada um fizer a sua parte sem olhar a quem trará grandes direitos,responsabilidades e mudanças.
    Michelle Pinheiro da Silva

    ResponderExcluir
  19. Em grande parte concordo sem dúvidas com o Arnaldo Jabor, acho o brasileiro um povo muito descansado, vende seu voto elegendo um candidato em troca de cargos comissionados, entre outras coisas, depois reclama que o país está como está, mas não foi você que elegeu aquele cidadão? Brasileiro tem mania de achar graça em tudo, principalmente em redes sociais, é o que mais vemos piadas sem graça da dor alheia, quer mudar o país faça por onde. Arnaldo tem razão em quase tudo que escreveu, só discordo da parte que ele fala das favelas, tem muito pai de família ali querendo um futuro melhor pro seu filho, agora falar que se fossem honestos já teriam dado um jeito de expulsar os bandidos que lá moram, acho que não deve ser nada fácil, nem a polícia consegue fazer isso. Vamos acordar Brasil, e na próxima eleição votar com consciência, eleja alguém capaz de fazer do nosso país, um país melhor, com saúde de qualidade, transporte, educação e segurança, pesquise sobre o seu candidato, e o mais importante, não venda o seu voto!
    Daniele Liberato da Rocha.

    ResponderExcluir
  20. Arnaldo Jabor, desperta uma das frases mais ditas na linguagem popular e revelada do povo brasileiro. Estamos vivendo em tempos dificeis e nosso país cada vez mais se afundando. Infelizmente, concordando com Jabor, precisamos desperta nossa conciência para os problemas cotidianos. O povo tem se conformado com tudo que tem acontecido e o que tem vindo para ele, ao inves de protestar e tomar providências como cidadão. O governo, tem feito mal uso do dinheiro público e nao tem dado nenhuma importancia para a saúde, educaçao e o desemprego e por isso a violência só tem crescido.
    Só nao concordei com Arnaldo, no fato de generalizar que o "brasileiro é vagabundo por excelência", pois existe muita gente honesta e trabalhadora.
    Só precisamos, nos manifestar, para mudar a historia do nosso Brasil!
    Simone de Oliveira Ribeiro Viana

    ResponderExcluir
  21. O texto retrata muitas situações que o brasileiro passa diariamente, concordo infelizmente com alguns trechos do textos mais o Arnaldo Jabour generalizou em alguns dos seus comentários quando fala principalmente das favelas do Rio de Janeiro por que nem todo mundo que mora na favela e bandido ou ladrão. Mais o brasileiro precisa mudar muito para melhorar nosso país principalmente esse famoso ''jeitinho brasileiro' de tentar subordinar autoridades quando são parados por uma blitz, muitos reclamam dos deputados que estão no congresso que fazem coisas erradas, ta certo que tem que cobrar e reclamar mesmo mais oque você está fazem para seu país melhorar? será que é somente os deputados que tem que mudar? todos do país tem que ter uma comoção de melhoria.

    Lucas Silva Campos Leite.

    ResponderExcluir
  22. Concordo em partes com Arnaldo Jabor, ele nos fala a realidade do nosso pais mas não pode generalizar. Quando fala que o brasileiro é vagabundo, babaca e sempre quer se dar bem, isso não retrata a real postura de todo o povo e sim de uma minoria que escolheu a pior maneira possível de sobreviver já que nesse caso os os fins não justifica os meios.
    Creio que o nosso Brasil tem jeito, só depende de nós. Temos que deixar de ser acomodados e exigir nossos direitos e só assim veremos nosso país com outros olhos e os países vizinhos também.

    Márcio de Oliveira Cavalcante

    ResponderExcluir
  23. Concordo com a forma de pensar do autor do texto. Na minha opinião, muitas pessoas que conseguem vagas em grandes empresas, geralmente não tem qualificação necessária para assumir o cargo, são amigos ou apadrinhados de tal politíco ou amigo.O brasileiros também é corrupto na sua forma de pensar, sempre buscando o melhor pra si,em vez de busca o melhor para todos, se contenta em receber uma moedinha agora e deixar todo o futuro fora dos planos. O brasileiro reclama da politica mas, se tivesse lá, faria a mesma coisa e não ia fazer nada pra mudar. As pessoas falam muitos, quando vem a eleição votam sempre no mesmo, apenas para depois voltar a reclamar dos mesmos problemas de antes.

    Alcilene Costa Da Costa

    ResponderExcluir
  24. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  25. Concordo ! Hoje em dia o povo brasileiro, é mal acostumado, não conhece bem em que ira administrar o nosso país, pois não impõem suas opiniões, o aumento da corrupção, falta de saúde,os hospitais sem leito, sem remédios, a educação no ponto precário, a falta de segurança, o aumento dos impostos, e a taxa de criminalidade que aumenta todos os dias no Brasil!

    Francisca Fernanda Oliveira Sousa

    ResponderExcluir
  26. Concordo, o brasileiro e seu jeitinho brasileiro desencadearam em um país onde pequenas corrupções são consideradas normais e as grandes corrupções não são na maioria das vezes punidas.Tudo é levado na brincadeira, a democracia pode ser considerada uma grande farsa quando comparada ao seu significado e a atual situação do país.
    Impostos altíssimos são cobrados e não vão para onde realmente deveriam ir.

    Victor Henrique Soares Cavalcante.

    ResponderExcluir
  27. Partes do texto do Arnaldo Jabor eu concordo. Porém, os problemas que acontecem no Brasil são aceita sem nenhum questionamento, assim, a impressão que o brasileiro não tem capacidade para escolhas e tomar decisões. O cidadão brasileiro boa parte tem medo ou anseio de protestar e não tem o resultado positivo. Mas,desconcordo quando o Arnaldo afirmar que o brasileiro não e trabalhando ou honesto, eu já assistir depoimentos de pessoas que teve várias conquistas com seu esforço e dedicação, que nunca recebeu qualquer ajuda de custo do governo. Dessa forma é necessário que o brasileiro não tenha medo e sim dedicação ao seus deveres.

    Letícia Thainá de Souza Santos

    ResponderExcluir
  28. Concordo com algumas partes do textos,sendo que, "Brasileiro é babaca", me desculpe ele também é um brasileiro. Discordo com o que ele fala dos favelados que não são honestos e trabalhadores, não são todos, mas boa parte lutam para colocar o pão de cada dia e ainda tem que pagar impostos e os traficantes que dominam os morros.

    Jéssica dos Santos Souza

    ResponderExcluir
  29. O texto relata alguns dos sérios problemas dos brasileiros, concordo que eles existam e que precisamos de fato de um “despertar”, mais creio que o autor Arnaldo Jabor não tenha sido feliz em algumas colocações, pois generalizar e tratar a situação de forma desrespeitosa só irá impactar os leitores de forma negativa não tendo sucesso assim em transmitir sua mensagem. De fato, os problemas existem e não podemos ficar alheios a eles, pois assim como tem pessoas que tem essa consciência e querem fazer algo e buscam fazer , também tem pessoas que querem fazer algo mais de alguma forma são vítimas do sistema e acabam presas nessas limitações , não tirando a culpa de ninguém pois temos sim que buscar o melhor querer despertar incentivando e buscando alternativas respeitosas de poder sim ser a mudança necessária para melhorar a sua vida e do seu meio de convívio ,fazendo sua parte já será o início de algo maior.

    Michele Rodrigues de Menezes.

    ResponderExcluir
  30. Concordo em algumas colocações. O brasileiro tem que parar de se sentir inferior e ir pra luta, parar de aceitar tudo que nos impõem e começar a questionar o porquê. A questão é começar, seja você a dar o primeiro passo e tenho certeza que aparecerá muitas pessoas dispostas a seguir um caminho diferente, a lutar por um país sem hipocrisia, com o objetivo de visar sempre a verdade.

    ResponderExcluir
  31. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  32. Concordo Plenamente com o autor Arnaldo Jabor , pois ele relata indignamente sobre a situação do nosso país.
    De acordo com essas situações precárias , não vejo como ter melhoria ao nosso Brasil pois em vez de nós irmos atrás do prejuízo ,ficamos realmente coçando a bunda pensando que nada pode ser feito.
    Más existe sim solução ,irmos para a rua protesta a favor dos nossos direitos.E o mais essencial , antes de ficarmos rindo do nosso próprio sofrimento devemos orar pela a nossa Nação, e pedirmos a Deus nos trazer uma solução.

    Rayandra Christina Nascimento Pereira Campos.

    ResponderExcluir
  33. Não concordo com o texto além de praticamente ofender a minha pátria acho que todos os problemas e criticas citadas mesmo extintos não resolveriam o problema mundial,fácil criticar apenas os BRASILEIROS e esquecer que não somos os únicos a habitantes da terra.
    Tenho orgulho de ser BRASILEIRA,não estamos em guerra,não fazemos terrorismo,não jogamos bombas nucleares em países vizinhos

    ResponderExcluir
  34. Concordo em alguns aspectos com o autor, mais não acho que somos vagabundos, ainda existe gente honesta que valoriza o trabalho e não se vende, no meio de tanta corrupção.E a mudança começa por nós,temos que tomar atitudes que faça diferença e reclamar está longe de ser a solução.
    Rosilene Maria de Araujo Medeiro.

    ResponderExcluir
  35. Infelizmente é a realidade do que esta acontecendo em nosso pais, mas na minha opinião ainda existe pessoas honestas, poucas mais tem, e não temos bola de cristal para adivinhar quem é honesto e quem não é, quando votamos em um candidato estamos dando a ele o poder de representar o nosso pais, e quando ele não cumpre seu papel, o pais fica critico e lamentável, o que devemos fazer nesse momento é tomar atitude e fazer a diferença.

    Josivânia Rodrigues dos Santos

    ResponderExcluir
  36. Concordo, pois acho que a situação atual do povo Brasileiro é bem como diz no texto, a ignorância é a cultura predominante no nosso país em dias atuais. Um exemplo clássico: ouve-se sobre o aumento no valor do dólar nos últimos dias, e ainda tem brasileiro que diz não se importar com tal situação, pois não tem nem real. Esse tipo de ignorância chega a ser doentia, e atrapalha muito para o crescimento e desenvolvimento do país. A culpa está nos que governam de forma ilícita, mas também está nos que se deixam ser governados.

    Lanna Silva Barbosa

    ResponderExcluir
  37. Nunca olhei o país nesses olhos, em algumas coisas já tinha pensado, mais agora meus olhos abriram, por que esses pontos citados são reais, hoje vivemos num país assim, é uma pena, por que temos muito a oferecer de bom é claro, só que a verdade é essa existe mais gente malandra do que honesta por isso estamos nessa decadência. Nós deveríamos protestar sim, mais com inteligência pra ver se pelo menos sejamos ouvidos, e nunca perder a esperança que as coisas melhorem, mais pra isso não devemos ficar de braços cruzados e esperando pelos outros, temos que agir. Por que o país já esta uma merda, piorar não precisamos e não merecemos, só precisamos abrir os olhos e vê qual é nossa realidade.

    Leidiane Jaqueline dos Passos

    ResponderExcluir
  38. Na minha percepção o texto reflete boa parte da situação que o país se encontra ,porém é um texto generalizado, pois nem todos os brasileiros se é quadra nos assuntos abordados,como por exemplo :Morar na favela indica uma necessidade e não te rótula como vagabundo ou bandido.
    Francisca Maria Suellen Ribeiro

    ResponderExcluir
  39. Em alguns trechos eu concordo com o Arnaldo , mas discordo de alguns. Dizer que o brasileiro e vagabundo e ficar aguardando uma ajuda do governo acho que sao poucos. Achar que muitos vivem na favela por que querem ser bandidos e ter uma vida mais facil. Discordo totalmente,pois existe muitas pessoas boa no país e que procuram melhoras e que vão a luta. Agora culpar o pobre brasileiro de ser o responsanvel por tudo isso de ruim no pais e desonesto , O que nao podemos ter certeza é que vamos votar naquele que não vai olhar para a população em si. O que concordo é que o brasileiro fica esperando sentando o pais mudar, e que num dia de protesto não vamos todos as ruas !
    NEIDEVAN JESUS DA CONCEICAO

    ResponderExcluir
  40. Discordo sobre o povo brasileiro não ser solidário, pelo fato do povo eleger um presidente com esses predicados. Acredito que a solidariedade não vem daí, prefiro chamar de ignorância cultural ou até mesmo interesses pessoais, com resultados estrondosos.
    Concordo que a grande maioria da nossa população é preguiçosa e faria o mesmo que nossos governantes se tivessem a mesma chance, por serem desonestos, gostarem de malandragens o famoso “jeitinho brasileiro” .
    Fabiola Carvalho Damasceno Cecílio

    ResponderExcluir
  41. Juliana Maria de souza.

    Bom concordo com o ponto de vista do autor, que o brasileiro não tem senso de responsabilidade ao voltar, muitas vezes vota no candidato porque o vizinho ta voltando,não somos alegres, somos acostumados a mesmice que já se tornou comédia, somos batalhadores em partes pois a grande maioria gosta do que é fácil, não somos o pais do futuro até mesmo porque pessoas honestas são raras ,a começar por aqueles que governam,nem tão pouco democráticos pois e cada um por sí , não ligam para realidadae do pais ,para os acontecimentos , para nossa riqueza ,temos que esquecer eese jeitinho brasileiro temos que ser práticos ,imteligentes apostar sempre na educação com intuito de formar cidadoes mais capazes de fazer a diferênça ou nunca haverá mudança.

    ResponderExcluir
  42. Bruno Veludo Lopes

    Realmente estamos vivendo uma fase muito difícil, e o texto acima cita alguns problemas que em geral nós Brasileiros passamos e muitos deles por unica e exclusiva culpa nossa, como colocar para nos representar esses vagabundos que só querem saber de se dar bem e a suas famílias, outro exemplo é de dar nosso jeitinho, querer furar uma fila, subornar o policial, fazer aquele gatinho na tv a cabo e etc. Não fazemos os devidos barulhos para ir contra uma decisão que nos afeta diretamente, agora como o aumento das taxas, juros, transporte público que por sinal é uma porcaria, pois se fosse bom não teríamos gigantescos engarrafamentos, a gasolina aumentando desenfreadamente, alimentação desemprego nem se fala.
    Enfim precisamos melhorar muito tanto como pessoas quanto cidadãos, pois tudo depende de nós de sermos pessoas melhores e com isso cobrar o devido respeito para conosco.
    Precisamos acordar e sacudir essa poeira e dar a volta por cima, mas só iremos conseguir se nos unirmos.
    Espero muito que meus filhos possam viver em um pais muito melhor do que este que estou vivendo.

    ResponderExcluir
  43. Nicole Sanches Ribas

    Concordo, o brasileiro acha que a corrupção está somente no poder, mas ele está em todo lugar, e muitos deles pensam individualmente, se dizem solidários mas na verdade só pensam em si, cansada do achismo e comodismo do ser humano e falta de conhecimento dos brasileiros, se você fizer uma enquete na rua vai descobrir que muito deles não sabem nada do que está acontecendo a sua volta.Infelizmente para que possamos mudar essa realidade o trabalho tem que ser feito em conjunto, já passou da hora do Brasil se unir e acabar com a corrupção, mas não podemos esquecer de fazer nosso papel, se cada um fizer um pouco talvez possamos melhorar a cada dia, não podemos mais nos acomodar nesse país cheio de ingratidão.

    ResponderExcluir
  44. A situação do nosso país, piora gradualmente ao passar dos dias, mas muitos brasileiros, simplesmente não entendem que precisamos mudar, é triste para muitas pessoas. Agora eleger cargos "privilegiados" para pessoas corruptas que "fingem" se preocupar com a saúde e educação da sociedade sem recursos para os mesmos, é o "cúmulo ", Um país tão rico em recursos que daria tranquilamente para reverter essa situação, infelismente encontra-se na situação mais precária de toda a história, o Brasil, em si, é ótimo, mais saber administra-lo que é o problema. Falta de atenção da população, pois achando que ganhar um bolsa família, está bem de vida! -(Maria Tamires Alves Flor)

    ResponderExcluir