Filmes Inspiradores para Estudantes de Direito e Advogados


filme Suits

Dando continuidade a outro artigo: “O Mundo do Advogado” sobre filmes com advogados, reunimos algumas indicações cinematográficas que precisam constar do seu repertório de estudos com temas e reflexões importantes tanto para o Direito como para a vida

Quem almeja essa profissão tem que se dedicar muito, estudar e se atualizar sempre. Entretanto, esse estudo deverá ser regado com outras disciplinas como economia, psicologia, cultura, sociologia, filosofia entre outras. Assim, os filmes são conditio sine qua non para formação de uma mentalidade jurídica, mostrando como o advogado deve se posicionar no exercício da sua carreira.

Os filmes estão em ordem cronológica para que se possa diferenciar tanto o modus vivendi como o modus operandi dos Advogados em cada época.

O Processo (1962) – O processo é uma coprodução da França, Itália e Alemanha Ocidental de 1962 dirigida por Orson Welles. Este filme é uma adaptação do romance O Processo de Franz Kafka. Certa manhã, Josef K. é acusado de um crime que, supostamente, sequer sabe que cometeu. Porém luta para se defender. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

Kramer vs. Kramer (1979) – Para Ted Kramer, o trabalho vem antes da família e Joanna, sua mulher, descontente com a situação, sai de casa, deixando Billy, o filho do casal, com o pai. Ted então tem que se preocupar com o menino, dividindo-se entre o trabalho, o cuidado com o filho e as tarefas domésticas. Quando consegue ajustar a estas novas responsabilidades, Joanna reaparece exigindo a guarda da criança. Porém, Ted se recusa e os dois vão para o tribunal lutar pela custódia de Billy. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

Cabo do medo (1991) – O filme conta a história de um estuprador Max Cady (Robert De Niro), um psicopata recém-libertado da penitenciária que vai em busca de vingança contra seu advogado de defesa, Sam Bowden (Nick Nolte), acusando-o de falhas na sua defesa no tribunal, por não ter usado todas as provas que tinha a seu favor durante o julgamento que o condenou. Max Cady irá iniciar uma onda de terror contra Bowden e sua família. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

Justa causa (1995) – Um conceituado professor de Harvard (Sean Connery), que não advoga há 25 anos e é contra a pena de morte, é convencido, após uma relutância inicial, em tentar obter provas que provem a inocência de um jovem negro, que está no corredor da morte acusado de ter estuprado e assassinado de forma extremamente brutal uma jovem. À medida que ele investiga uma série de revelações surpreendentes vem à tona. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

Assassinato em Primeiro Grau (1995) – Um garoto de 17 anos, por não conseguir emprego, rouba 5 dólares e vai para Alcatraz. Quando tenta escapar é capturado e confinado em uma solitária por três anos, saindo da sua cela apenas 30 minutos por dia, para se exercitar. Quando enfim é colocado junto com os outros presos, comete um assassinato na frente de 200 testemunhas. Mas seu advogado pretende alegar que os maus tratos na prisão o enlouqueceram e que os verdadeiros responsáveis são aqueles que dirigem o presídio. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

O povo contra Larry Flynt (1996) – Cinebiografia do homem que tornou a pornografia explícita de sua revista, Hustler, na coqueluche dos EUA dos anos 70. Uma espécie de Hugh Hefner das classes operárias, Larry Flynt construiu um império, mas teve que lutar com unhas e dentes para vencer batalhas judiciais e um atentado que o deixou paraplégico. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

Amistad (1997) – A história remonta ao ano de 1839 e é baseada em factos verídicos que ocorreram a bordo do navio La Amistad. O filme relata a luta de um grupo de africanos escravizados em território norte americano, desde a sua revolta até seu julgamento e libertação. Através desta trama de forte conteúdo emocional, é possível conhecer as condições de captura e transporte de escravos africanos para a exploração do trabalho na América do Norte, a máquina jurídica americana de meados do século XIX e o germe das primeiras medidas para a abolição da escravatura naquele território. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

O Mentiroso (1997) – Fletcher Reede (Jim Carrey) é um advogado de sucesso, separado e com um filho para criar. Reede é um mentiroso compulsivo, que vive mentindo e dando desculpas para o seu filho Max (Justin Cooper). Tal hábito de mentir fez com que seu casamento com Audrey (Maura Tierney) fosse por água abaixo, já que ela perdeu a confiança nele e por isso o deixou. Para piorar, a mãe do garoto namora Jerry (Cary Elwes), um sujeito jeitoso e certinho que de certa forma conquistou a simpatia do garoto e sempre que surge, acaba roubando a atenção do mesmo, que troca seu pai por seu futuro padrasto, o qual tem planos futuros que envolvem Audrey e Max. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

A qualquer preço (1998) – Jan Schlittman (John Travolta) é um advogado que, junto com seus sócios, não procura vencer causas, mas sim entrar em lucrativos acordos financeiros. Mas tudo muda quando ele concorda em representar oito famílias cujas crianças morreram em virtude de duas empresas terem despejado produtos tóxicos na água que abastece Woburn, Massachusetts. O caso se prolonga, fazendo a firma ficar em sérias dificuldades financeiras, tanto que os sócios de Schlittman o abandonam enquanto ele marcha para o suicídio financeiro e profissional. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

Um crime perfeito (1998) – Emily Bradford Taylor (Gwyneth Paltrow), a dona de uma fortuna de 100 milhões de dólares, casada com Steven Taylor (Michael Douglas), um rico homem de negócios que atravessa uma gravíssima crise financeira que pode arruiná-lo. No entanto, Emily está apaixonada por David Shaw (Viggo Mortensen), um pintor conhecido do casal. Um dia, Steven vai no apartamento de David para ver seus quadros e lhe diz que sabe que sua mulher está tendo um caso com ele e também que ele aprendeu pintura quando cumpria sua segunda sentença na prisão. Além disto, Steven sabe que David já esteve se aproveitando de outras mulheres ricas, mas mesmo assim lhe faz uma proposta: oferece ao pintor 500 mil dólares para ele sumir, mas antes tem de matar Emily, fazendo com que pareça um acidente. Apesar da proposta ser bem incomum, David concorda em fazer o serviço. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

Risco duplo (1999) – Libby (Ashley Judd) é uma jovem mulher casada com Nick (Bruce Greenwood). Aparentemente ambos levam uma vida feliz. Eles têm um filho saudável de quatro anos, Matty, e uma ajudante, Angie (Annabeth Gish), a melhor amiga de Libby. Justamente quando Libby reclama que seu marido não se interessa por sua grande paixão, velejar, ele compra um veleiro e juntos vão para alto mar. O casal tem uma noite maravilhosa, e Libby acorda no dia seguinte sozinha na cama. Ao acordar está com o roupão manchado de sangue e uma faca na mão. Encontrada pela polícia, condenada pelo assassinato do marido, cujo corpo nunca fora encontrado. Depois de 6 anos na cadeia, ela descobre que seu marido está vivo. Na verdade, ele tinha encenado todo o crime para receber o dinheiro do seguro que agora Elizabeth quer recuperar. A partir de então, começa a treinar para poder se vingar quando sair em condicional, já que as leis estadunidenses proíbem uma pessoa de ser condenada pelo mesmo crime por duas vezes. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

Hart’s war (2002) – Tommy Hart (Colin Farrell) é um estudante do 2º ano de Direito que se alista no exército para lutar pelos Aliados na 2ª Guerra Mundial. Em meio à guerra ele acaba sendo capturado, sendo posteriormente enviado a um campo de concentração. Lá um soldado negro é acusado de ter assassinado um soldado branco que era racista, sendo que ambos eram prisioneiros no local. Ao invés de executá-lo, os nazistas concordam com o plano apresentado pelo coronel William McNamara (Bruce Willis), também prisioneiro no campo, que propõe que o soldado acusado tenha um julgamento realizado no local. Hart é então designado a defender o soldado acusado enquanto que McNamara usa a situação para empreender seu plano de fuga do local. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

Minority Report (2002) – Washington, 2054. O assassinato foi banido, pois há a divisão pré-crime, um setor da polícia onde futuro é visualizado através de paranormais, os precogs, e o culpado é punido antes do crime ter sido cometido. Quando os três precogs, que só trabalham juntos e flutuam conectados em um tanque de fluido nutriente, têm uma visão, o nome da vítima aparece escrito em uma pequena esfera e em outra esfera está o nome do culpado. Também surgem imagens do crime e a hora exata em que acontecerá. Estas informações são fornecidas para uma elite de policiais, que tentam descobrir onde será o assassinato, mas há um dilema: se alguém é preso antes de cometer o crime pode esta pessoa ser acusada de assassinato, pois o que motivou sua prisão nunca aconteceu? O líder da equipe de policiais é John Anderton (Tom Cruise), que perdeu o filho há seis anos atrás em virtude de um criminoso que o sequestrou. O desaparecimento da criança o fez se viciar em drogas e ainda continua dependente, mas isto não o impede de ser o policial mais atuante na divisão pré-crime. Porém algo muda totalmente sua vida quando vê, através dos precogs, que matará um desconhecido em menos de trinta e seis horas. A confiança que Anderton tinha no sistema rapidamente se perde e John segue uma pequena pista, que pode ser a chave da sua inocência: um estranho caso que não foi solucionado e há um "relatório menor", uma documentação de um dos raros eventos no qual o que um precog viu é diferente dos outros. Mas apurar isto não é uma tarefa fácil, pois a divisão pré-crime já descobriu que John Anderton cometerá um assassinato e todos os policiais que trabalhavam com ele tentam agora capturá-lo. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

A casa de areia e névoa (2003) – Duas pessoas travam uma disputa até às últimas conseqüências. De um lado está Kathy (Jennifer Connelly), jovem que sofre profunda depressão após ter sido abandonada pelo marido. Por um erro do governo, ela é expulsa da casa em que morava. Inconformada, contrata um advogado para recuperar o que ela acredita ser o último símbolo de sua sanidade. Do outro lado está Massoud Amir Behrani (Ben Kingsley), imigrante iraniano que comprou a casa de Kathy em leilão, o que para ele é a oportunidade de dar conforto à mulher e ao filho e de recuperar o padrão de vida que tinham no Irã. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

Boston Legal (2004 – série – 101 episódios na Netflix) – Alan Shore (Spader) e Denny Crane (Shatner) lideram uma brigada de milionários processos em um prestigiado escritório de advocacia de Boston, chamado Crane, Poole & Schmidt, em uma série focada na vida pessoal e profissional de um grupo de brilhantes e emotivos advogados. O seriado tem uma ação dinâmica e humor negro, confrontando os problemas sociais e morais enquanto os advogados tentam conquistar fama, fortuna e felicidade. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

O mercador de Veneza (2005) – Na cidade de Veneza, no século XVI, Bassanio (Joseph Fiennes) pede a Antônio (Jeremy Irons) o empréstimo de três mil ducados para que possa cortejar Portia (Lynn Collins), herdeira do rico Belmont. Antônio é rico, mas todo seu dinheiro está comprometido em empreendimentos no exterior. Assim ele recorre ao judeu Shylock (Al Pacino), que vinha esperando uma oportunidade para se vingar de Antônio. O agiota impõe uma condição absurda: se o empréstimo não for pago em três meses, Antônio dará um pedaço de sua própria carne a Shylock. A notícia de que seus navios naufragaram deixa Antônio em uma situação complicada, com o caso sendo levado à corte para que se defina se a condição será mesmo executada. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

O Crime Perfeito (2005) – O promotor público Ford Cole (Ray Liotta) tinha tudo para conseguir se eleger prefeito de uma cidade norte-americana. Suas chances começam a desaparecer quando descobre o envolvimento de sua assistente pessoal em um assassinato. Quando menos percebe, o candidato entra de cabeça em um perigoso jogo de interesses manipulado pela atraente profissional. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

Damages (2007 – série – 59 episódios na Netflix) – Patty Hewes (Glenn Close) lidera um dos escritórios de advocacia mais poderosos de Nova York. Ela trabalha em casos delicados com o punho forte e não poupa esforços para atingir os seus objetivos. Patty decide contratar Ellen Parsons (Rose Byrne) e começa a moldar a jovem advogada, tornando-se o seu pior pesadelo. Em pouco tempo de trabalho, Ellen irá perceber que o preço do sucesso é maior do que imaginava. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

Traídos pelo destino (2007) – Ethan (Joaquin Phoenix) e Grace Learner (Jennifer Connelly) estão voltando para casa com seus filhos, Josh (Sean Curley) e Emma (Elle Fanning). Antes de entrar no carro Josh pegou alguns vaga-lumes e os prendeu em um pote. Já durante a viagem de retorno ele pergunta à mãe se pode ficar com eles, com ela respondendo que seria melhor soltá-los pois caso contrário morreriam. A família faz uma parada durante a viagem, onde Josh aproveita para saltar do carro para soltar os vaga-lumes. Simultaneamente Dwight Arno (Mark Ruffalo), um advogado divorciado, está voltando para casa com seu filho, Lucas (Eddie Alderson), após assistirem ao vivo uma partida do Red Sox. Dwight perde a direção do carro por um instante e atropela Josh, sem parar para socorrê-lo. Ethan vê o carro e seu condutor em um relance, mas corre para socorrer o filho. O garoto morre, o que faz com que Ethan desenvolva uma obsessão em encontrar e punir o culpado. Como a polícia não consegue encontrá-lo Ethan decide procurar uma empresa de advogados, sendo encaminhado para ser auxiliado por Dwight. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

Conduta de Risco (2007) – Michael Clayton (George Clooney) trabalha em uma das maiores firmas de advocacia em Nova Iorque e tem a árdua e aviltante função de dissimular os ilícitos de seus clientes, eliminando as provas que eventualmente possam comprometê-los. Uma vez que foi promotor de justiça e que advém de uma família de policiais, Clayton é o responsável por realizar o serviço sujo da firma Kenner, Bach & Ledeen, que tem Marty Bach (Sydney Pollack) como um de seus fundadores. Embora esteja desgostoso com o trabalho, Clayton não tem como deixar o emprego, já que o vício no jogo, seu divórcio e o fracasso em um negócio arriscado deixaram-no repleto de dívidas. Quando Arthur Evans (Tom Wilkinson), o principal advogado da empresa, sofre um colapso esquizofrênico e tenta sabotar todos os casos da U/North, uma empresa que é cliente da Kenner, Bach & Ledeen, Clayton é enviado para solucionar o problema. É quando ele percebe a triste pessoa em que se tornou, passando a ter uma conduta de risco, literalmente. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

Jogada de Gênio (2008) – Nos anos de 1960, em Detroit (Michigan), Robert Kearns (Greg Kinnear) formou uma típica família americana na esperança de alcançar o Sonho Americano. Professor em uma universidade local, Robert casou-se com a também professora Phyllis (Lauren Graham) e, com seus 30 e poucos anos de idade, já tinha seis filhos. Engenheiro de formação e um inventor nas horas vagas, Robert criou um dispositivo que seria utilizado em todos os carros do mundo. Para a família Kearns era como se tivessem encontrado ouro. Mas o grande desafio viria quando o jovem engenheiro foi simplesmente ignorado pelas gigantes montadoras de automóveis, sem antes se apropriar daquele invento. Baseado em fatos reais, o filme descreve a história de um homem que desafiou a indústria automobilística americana, lutando por seus direitos e pelo seu reconhecimento. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

Código de Conduta (2009) – Durante um assalto, Clyde Shelton (Gerard Butler) vê sua mulher e filha serem assassinadas brutalmente em sua própria casa. Quando os assassinos são capturados, o jovem procurador Nick Rice (Jamie Foxx) assume o caso, porém é obrigado a soltar um dos envolvidos em troca de informações sobre um de seus cúmplices. Clyde não aceita ver o assassino de sua mulher e filha à solta e tenta impedir que o fato ocorra, mas não consegue evitar que o assassino seja solto. Então decide fazer, ele mesmo, justiça pelos assassinatos das duas. Dez anos depois o assassino que havia sido solto é encontrado morto e Clyde assume a autoria do crime, avisando a Nick que um a um, os assassinos de sua família serão mortos. Clyde é preso, mas de sua cela consegue planejar e executar uma série de assassinatos que ninguém consegue prever. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

The good wife (2009 – série – 156 episódios na Netflix) – A série centra-se em Alicia Florrick (Julianna Margulies), cujo marido Peter Florrick (Chris Noth), um ex-advogado do estado de Condado de Cook, foi preso depois de um escândalo envolvendo sexo com prostitutas e corrupção. Depois de ter passado 13 anos como uma mãe atenciosa e dona-de-casa, Alicia retorna ao seu antigo trabalho como advogada e fica com a responsabilidade de criar os seus dois filhos. A série foi parcialmente inspirado no escândalo de prostituição envolvendo o ex-governador de Nova Iorque, Eliot Spitzer, bem como outros escândalos sexuais proveniente de políticos norte-americanos, particularmente os de John Edwards e Bill Clinton. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

A condenação (2010) – Kenny (Sam Rockwell) foi acusado por um crime que não cometeu, mas a defensoria pública alega dificuldades para representá-lo e a condenação será iminente. Betty Anne (Hilary Swank) é mãe e trabalha, mas para livrar seu irmão da cadeia decide estudar Direito e enfrentar a promotoria. Baseado em fatos reais. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

Suits (2011 – série imperdível – 76 episódios na Netflix) – A série é rodada em torno de casos jurídicos sempre bem resolvidos, e com um toque de humor sarcástico, tudo isso dentro do escritório de advocacia "Pearson Hardman". Michael "Mike" Ross (Patrick J. Adams) é um garoto que foi expulso do colégio, mas com uma brilhante memória que lhe permitiu excelentes notas no teste de admissão em cursos de Direito, sem nunca ter obtido o diploma por não poder entrar em nenhuma faculdade. Harvey Specter (Gabriel Macht), um dos melhores advogados de Manhattan, testa-o e o aceita-o como um de seus associados. Devido à política da firma de aceitar apenas ex-alunos da Escola de Direito de Harvard, ambos mentem que Mike é um graduado que frequentou Harvard. Ao contrário do veterano Harvey, Ross cria vínculos com seus clientes. Harvey, com seu jeito frio, evita contato com Mike em assuntos que não sejam sobre trabalho. Mas no decorrer da série eles criam um forte vínculo de amizade um com outro, o que faz de Mike Ross o pupilo de Harvey, que ensina ao novato todos os truques sobre o ramo jurídico. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

Código de honra (2011) – Mike (Chris Evans) e Paul (Mark Kassen) são advogados e sócios. O primeiro tem uma vida marcada pelo vício em drogas, já o segundo leva uma vida familiar estável. Os dois aceitam o caso de Vicky Rogers (Vinessa Shaw), uma enfermeira infectada pelo vírus HIV através de uma agulha contaminada. Com a ajuda de um engenheiro, esta mulher desenvolveu um novo tipo de agulha, que se retrai em caso de introdução forçada, mas ninguém comprou a patente da invenção. Mike e Chris decidem levar o caso aos tribunais, enfrentando uma das companhias médicas mais poderosas, defendida por um advogado renomado. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

O diabo no banco dos réus (2011) – Uma batalha espiritual que se passa em um tribunal, O diabo no banco dos réus é um thriller jurídico de alto conceito, deixará você sem fôlego e vibrando. Por um canal de televisão, o mundo inteiro assiste ao julgamento do século, para ver quem sairá vitorioso. De um lado, Luke O’Brien (Bart Bronsen), um vendedor desanimado que virou estudante de Direito e resolve processar, em 8 trilhões de dólares, o responsável por tudo de ruim que lhe aconteceu. Do outro, o próprio Satanás, que, para se defender, além de aparecer em carne e osso no último dia antes de Luke marcar um julgamento à revelia, tem em sua equipe jurídica os dez melhores advogados do país. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

O Juiz (2014) – Advogado de muito sucesso, Hank Palmer (Robert Downey Jr.) volta à cidade em que cresceu para o velório de sua mãe, que há muito não via. É recebido de forma hostil pela família e resolve ficar um pouco mais quando seu pai, veterano juiz, é apontado pela polícia como responsável pela morte de um homem que condenou há vinte anos. Mesmo não se entendendo com o pai, Hank debruça-se sobre o caso, mas os dois não conseguem conviver amigavelmente e a possibilidade de condenação aumenta a cada revelação. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

How to get away with murder (2014 – série – 30 episódios na Netflix) – A série se desenvolve ao redor da vida pessoal e profissional de Annalise Keating, uma advogada de defesa criminal proeminente. Também professora de direito na Universidade de Middleton, na Filadélfia, Annalise seleciona cinco de seus melhores alunos para trabalharem com ela em seu escritório: Wes Gibbins, Connor Walsh, Michaela Pratt, Laurel Castillo e Asher Millstone. Em sua vida pessoal, Annalise vive com seu marido Sam Keating, um renomado psicólogo, mas também vive um relacionamento às escondidas com Nate Lahey, um detetive de polícia. Quando sua vida pessoal e profissional começa a entrar em colapso, Annalise e seus alunos se veem envolvidos, involuntariamente, em uma trama de assassinatos. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

Better call saul (2015 – série – 20 episódios na Netflix) – Série derivada do sucesso Breaking Bad, é ambientada seis anos antes de Saul Goodman (Bob Odenkirk) conhecer Walter White. Quando o conhecemos, o homem que se tornará Saul Goodman é conhecido como Jimmy McGill, um advogado de pequenas causas procurando o próprio destino e, mais imediatamente, tentando acertar sua vida financeira. Trabalhando ora junto a ele e ora contra, está Mike Erhmantraut (Jonathan Banks). A série acompanhará a transformação de Jimmy em Saul Goodman, o homem que coloca "criminosos" dentro da "lei". (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

Ponte dos espiões (2015) – Em plena Guerra Fria, o advogado especializado em seguros James Donovan (Tom Hanks) aceita uma tarefa muito diferente do seu trabalho habitual: defender Rudolf Abel (Mark Rylance), um espião soviético capturado pelos americanos. Mesmo sem ter experiência nesta área legal, Donovan torna-se uma peça central das negociações entre os Estados Unidos e a União Soviética ao ser enviado a Berlim para negociar a troca de Abel por um prisioneiro americano, capturado pelos inimigos. (Fonte: Adoro cinema e Wikipédia).

Leia:  “O Mundo do Advogado”, e conheça outros 47 filmes com advogados.

O que você pensa sobre o tema? Deixe um comentário logo abaixo ou sugira um artigo, precisamos de ambos para continuar melhorando o blog.

Esperamos sua visita em breve. Obrigado pela Companhia e, compartilhe com os seus Amigos!

Conheça os Livros do Autor:   

Junte-se aos Nossos Leitores e Receba nossas atualizações!

Respeitamos sua privacidade. Você está 100% seguro!

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário